Sábado, 19 de Novembro de 2005

... um dia igual ...

Um dia igual a outro qualquer... enfim...
aconteceu que me desejou os parabens por SMS, mas para quê se não tem a coragem para me dizer pessoalmente?

publicado por soprodeanjo às 12:00
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 18 de Novembro de 2005

A separação de vez?

Agora sim será um adeus...?
No dia 11, uma amiga convidou-me para ir comer umas castanhas e batata doce para comemorar o dia de São Martinho... A Carla também lá estaria...
Gostei do convite, e após reflectir sobre isso, lá fui ter...

Terá sido a minha pior asneira ou uma situação inevitável?
Sempre fui! Já lá, o certo é que ela disse-me várias vezes que não se sentia bem porque sabia o que os amigos estariam a pensar sobre a nossa situação... "Ela tem namorado"... Enfim...

Eu sempre lhe disse que iria já embora... e ela "Não! Não quero que vás..."

Depois de uma conversa, na rua, disse:
Eu perguntei-lhe se o que ela disse há uns dias, "Não tenho dúvidas sobre o que sentimos mas da situação em que estamos", teria agora algum sentido.
Ela disse-me que "Quando estou contigo não tenho dúvidas, mas quando não estou contigo tenho... não me sinto bem..."
E eu... "E eu ? Como me sinto?"

E ela ...
- "Acho que devemos deixar de nos vermos por um tempo..."
E eu...:
- "Sabes que isso nos destroi... que me destroi por dentro..."
E ela...
- "Tem de ser ... eu não aguento mais esta situação..."

Eu eu?? Perguntei-lhe se era mesmo isso que queria, ela afastou os olhos e nao me disse na cara. Insisti que me disse-se se era isso que ela queria. Nunca me disse na cara, mas disse que "sim"!...

Entretanto no momento que ela se está a afastar , para ir lá dentro de casa ver alguma coisa, eu disse-lhe "vou-me embora..."

Ela entrou e por segundos decidi mesmo que iria embora... e comecei a afastar-me em direcção ao meu carro estacionado mais adiante...

Despedir-me? Para quê? Sofrer mais ainda? Mais lágrimas? Não quero chorar mais... recusei-me a isso e mais adiante páro e começo a olhar o céu... totalmente enublado mas ainda assim consigo ver algumas estrelas...

Entretanto reparei ela saiu e encostou-se a um pilar... não me chamou nem veio ter comigo... então percebi que devia de continuar a afastar-me...
Entrei no carro, liguei a ignição e ainda ali fiquei uns poucos minutos... ainda sem sinal dela...
É isso ... fiz marcha atrás, e fui...

Passou uma semana e nenhum sinal dela... até agora... no momento que estou a escrever este artigo... apareceu no MSN Messenger... não me disse nada, nem eu a ela...

Será mesmo definitivo esta separação?
Tenho a percepção que ela me dirá algo amanhã, porque é o meu aniversário...
Sei lá...

</i>Gostava que comentassem... dêm a vossa opinião...</i>

publicado por soprodeanjo às 18:42
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 11 de Novembro de 2005

Textos...

Não são muitos os textos que escrevi.
Nem tão pouco são-os todos a pensar em ti¸ mas¸ este sim é para ti.

São sentidas as palavras que aqui lês¸
numa armonia simples¸
de palavra em palavra¸ neste instante do meu ser.

publicado por soprodeanjo às 12:00
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 10 de Novembro de 2005

Momento de reflexão

Neste momento de reflexão¸
enquanto me dedico ao sabor amargo deste café¸
tão amargo quanto esta espera¸
que corta o meu transe na viagem do doce sabor do teu beijo...

publicado por soprodeanjo às 23:22
link do post | comentar | favorito

Impulso de escrever

Quando sinto o impulso de escrever¸
apenas me recordo da palavra repetidamente¸ como se fosse uma música no ouvido.

Começo a escrever e saltam palavras¸
sem sentido¸ sem conjunção possivel...
fazem confusão...
mesmo assim a mão faz por as escrever forçando a caneta no papel...
risco-as¸ torno a escrever¸ mas continuam a não fazer sentido.

Páro. Penso.
Antes de pensar no que escrever¸
já havia sido escrito a essencia do meu sentir mais profundo.

publicado por soprodeanjo às 22:52
link do post | comentar | favorito

Palavras

As palavras são quase sempre arrastadas pelas ondas da emoção. Fazer com que as palavras tenham vida por si, cabe ao sentimento e emoção, da pessoa que as lê, nesse instante.16Set2005

publicado por soprodeanjo às 22:35
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Novembro de 2005

um mágico

uma asa voa a cada beijo teu... terão já voado tantos...e sem contar com os teus beijos perdidos... talvez esses tenham sim voado para longe de mim...Desenho¸ ... desejo nos lábios... beijo que alguém depôs... o meu tempo é apenas um chão que ninguém pisou em mundos que não cabem na palma da tua mão... e cada passo é mais longe do que o que vês...Sou apenas um mágico que te encantou.baseado na música "um mágico que te encantou " de Pedro Abrunhosa

publicado por soprodeanjo às 18:29
link do post | comentar | favorito

"Convite da Loucura" por anónimo

"A Loucura resolveu convidar os amigos para tomar um café em sua casa. Todos os convidados foram. Após o café¸ a Loucura propôs: - Vamos brincar ao esconde-esconde? - Esconde-esconde? O que é isso? - perguntou a Curiosidade. - Esconde-esconde é uma brincadeira. Eu conto até cem e vocês escondem-se. Ao terminar de contar¸ eu vou procurar¸ e o primeiro a ser encontrado será o próximo a contar. Todos aceitaram¸ menos o Medo e a Preguiça. -1¸2¸3¸... - a Loucura começou a contar. A Pressa escondeu-se primeiro¸ num lugar qualquer. A Timidez¸ tímida como sempre¸ escondeu-se na copa de uma árvore. A Alegria correu para o meio do jardim. Já a Tristeza começou a chorar¸ pois não encontrava um local apropriado para se esconder. A Inveja acompanhou o Triunfo e escondeu-se perto dele debaixo de uma pedra. A Loucura continuava a contar e os seus amigos iam-se escondendo. O Desespero ficou desesperado ao ver que a Loucura já estava no noventa e nove. - CEM! - gritou a Loucura. - Vou começar a procurar... A primeira a aparecer foi a Curiosidade¸ já que não aguentava mais¸ queria saber quem seria o próximo a contar. Ao olhar para o lado¸ a Loucura viu a Dúvida em cima de uma cerca sem saber em qual dos lados ficar para melhor se esconder. E assim foram aparecendo a Alegria¸ a Tristeza¸ a Timidez... Quando estavam todos reunidos¸ a Curiosidade perguntou: - Onde está o Amor? Ninguém o tinha visto. A Loucura começou a procurá-lo. Procurou em cima da montanha¸ nos rios¸ debaixo das pedras e nada do Amor aparecer. Procurando por todos os lados¸ a Loucura viu uma roseira¸ pegou num pauzinho e começou a procurar entre os galhos¸ quando de repente ouviu um grito. Era o Amor¸ gritava por ter furado o olho com um espinho. A Loucura não sabia o que fazer. Pediu desculpas¸ implorou pelo perdão do Amor e até prometeu segui-lo para sempre. O Amor aceitou as desculpas. Hoje¸ o Amor é cego e a Loucura acompanha-o sempre." ... vive a loucura de um amor... a vida é muito breve...corrente de email que chegou ao meu através de uma amiga... obrigado Ana!"

publicado por soprodeanjo às 18:21
link do post | comentar | favorito
Domingo, 6 de Novembro de 2005

Estremecer

Esta saudade de te ter¸sem antes te ter tocado¸ possui-me o corponum estremecera cada pensamento do teu nome...Set2005

publicado por soprodeanjo às 19:34
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Seduzes-me

Um toque que não sinto.Um beijo sem sabor.Um olhar sem ver.A pele arrepia-se em desejos de sabores intensossem sequer ainda o meu corpo e alma te conhecer...Seduzes-me com o tom da tua voze sorrisos de brilho no meu imaginário...Sim¸ de ti quero a sedução de sonho de intenso prazer.Set2005

publicado por soprodeanjo às 19:30
link do post | comentar | favorito

Eco da loucura

E sinto o eco da loucurae o respirar de desejos ansiososvindos do templo perdido por entre as dunas do prazer...16Set2004

publicado por soprodeanjo às 19:27
link do post | comentar | favorito

Sacia-me este beijo

Sol este que se afunda em mim¸grão de areia deste templo imenso perdido nas dunas¸em cada sopro de brisa¸por ti anseio¸fugaz vicio que ainda não provei.Sacia-me este beijo e guarda-o bem.16Set2004

publicado por soprodeanjo às 19:07
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 4 de Novembro de 2005

Quero tão só

Quero sonhar¸
viver¸
crescer
e amar-te tão mais quanto o que ainda não descobri em mim...

Quero o sorriso de uma conquista
e a lágrima de uma derrota¸
tão só¸ e mais¸
partilhar todos os momentos junto a ti...

Quero-te e tão só...
...porque te AMO.

publicado por soprodeanjo às 07:10
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 3 de Novembro de 2005

Desejo ser

desejobrisa abraçasono que te envolvedesejo serpensamento que te acalmasorriso que me transformaser encantoque te adorna...desejoser a brisa que te abraçaser o sono que te envolvedesejo sero pensamento que te acalmasorriso teu que me transformadesejo ser o encantoque te adorna...

publicado por soprodeanjo às 18:55
link do post | comentar | favorito

Respostas:

AlentoAo ler estas mensagens que escreves fico ciente que existe alguem que tambem está a pensar em mim... Não sabes o quanto isso me transforma numa pessoa feliz... Adoro-te!Acorda em mimBom dia lindo... é tão bom acordar assim... Mas não precisas acordar tão cedo...Um beijo muito grande para ti... espero que o teu dia corra tão bem¸ pois a acordar assim o meu começou já a correr muito bem...SonhoAcordei da melhor maneira possivel... A pensar em ti¸ e com uma mensagem tua!...

publicado por soprodeanjo às 17:44
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 2 de Novembro de 2005

Sonho

Um sonho nunca é só um sonho¸
quando é verdadeiro na sua concepção
na busca da felicidade¸
alcançando a plenitude quando acordamos
e sentimos que tudo é real.

publicado por soprodeanjo às 20:09
link do post | comentar | favorito

Um anjo serei

É tão bom pensar em ti...

Dorme bem meu amor...
Um anjo serei¸
e enternamente aqui estarei¸
para sempre cuidar do teu doce sono...

publicado por soprodeanjo às 17:16
link do post | comentar | favorito

Alento

São o brilho¸ a cor e luz dos teus olhos
que me guiam nesta escuridão...
que me dão alento para resistir à saudade
sempre cada vez maior
presa no meu peito...

publicado por soprodeanjo às 17:12
link do post | comentar | favorito

Acorda em mim

Acorda em mim¸
por ti¸
para mais uma madrugada¸...

Cama fria esta¸
em que te procuro
e me aqueço no pensamento do teu terno abraço.

publicado por soprodeanjo às 07:13
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Novembro de 2005

A minha história de amor¸... por outras palavras

"Deixar-me devorar pelos sentidos¸ e rasgar-me do mais fundo que há em mim...Emaranhar-me no mundoe morrer por ser precisonunca por chegar ao fim..."Quero viver a minha história de amorporque ninguém disse que os dias eram nossos e¸ ainda assim¸ arracamos mais uma madrugada todos os dias¸ com a dor e saudade no coração¸onde cada momento vivido é um episódio¸ único e eterno¸para sempre na lembrança do amor que sentimos por alguém.baseado na música "Por outras palavras" de Mafalda Veiga

publicado por soprodeanjo às 17:38
link do post | comentar | favorito

Por outras palavras by Mafalda Veiga

"Ninguém disse que os dias eram nossosNinguém prometeu nadaFui eu que julguei que podia arrancar sempremais uma madrugadaNinguém disse que o riso nos pertenceNinguém prometeu nadaFui eu que julguei que podia arrancar sempremais uma gargalhadaE deixar-me devorar pelos sentidosE rasgar-me do mais fundo que há em mimEmaranhar-me no mundoe morrer por ser precisoNunca por chegar ao fimNinguém disse que os dias eram nossosNinguém prometeu nadaFui eu que julguei que sabia arrancar sempremais uma gargalhadaE deixar-me devorar pelos sentidosE rasgar-me do mais fundo que há em mimEmaranhar-me no mundoe morrer por ser precisoNunca por chegar ao fim."Esta podia ser a minha história¸ a de todos nós¸ por outras palavras¸ que só mesmo a voz de Mafalda Veiga consegue transpor e fazer-nos arrepiar a cada ton...

publicado por soprodeanjo às 17:37
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. O tema do Blog - Kimi o n...

. Amizade

. Silêncio respirar

. Mãe...

. Acordei

. chamar...

. Ausência de longa reflexã...

. sonhos que desesperam

. Sonho vão

. O meu sopro

.arquivos

. Abril 2012

. Janeiro 2010

. Maio 2008

. Abril 2008

. Abril 2007

. Dezembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

SAPO Blogs

.subscrever feeds